Firmes, apesar dos temporais

Há um plano em andamento para desestabilizar a humanidade há centenas e centenas de anos. Ele é conhecido, até divulgado, porém continua fazendo vítimas. Satanás é o seu autor, insiste nesse plano e não mede esforços para atualizá-lo, aprimorá-lo, torná-lo cada dia mais eficaz. E muitos caem nessa armadilha!

Você já reparou como um tecido é fabricado? Os fios são regularmente entrelaçados. Quando um fio escapa, o tecido mostra um pequeno rombo. Se vários escapam, aparece uma grande abertura de fios desfiados e o tecido, enfraquecido, corre o risco de rasgar-se completamente, a qualquer momento. E quando a maioria dos fios se solta, o tecido simplesmente se desfaz.

Esta é a realidade de grande parte das famílias no mundo atual, que são os fios do tecido que formam a sociedade. Cada vez que uma família se desfaz, não apenas seus membros sofrem com as consequências, mas toda a sociedade é atacada e se torna mais frágil. Este é um dos objetivos claros de Satanás: destruir as células familiares para enfraquecer a sociedade como um todo.

Diante dessa ardileza destrutiva, o que podemos fazer? É indispensável fixarmos os nossos olhos no Senhor, que projetou a família, para redescobrirmos os princípios fundamentais que ele elaborou para ela.  

Jesus afirmou que quem ouve os seus ensinamentos e vive de acordo com eles é “como um homem sábio que construiu a sua casa na rocha” (Mateus 7.24). Apesar dos temporais, essa casa permanece firme. Assim é a nossa vida em todas as áreas, inclusive a conjugal.

Quando o casamento é firmado em Cristo e na sua Palavra, ele permanecerá. Não importam as dificuldades que vierem, ele não será destruído.

Se você quer ter uma vida conjugal bem-sucedida e uma família unida e feliz, então firme seu casamento na Rocha, que é Cristo. Procure a orientação na Palavra de Deus sempre. Permita que ele seja o alicerce inabalável sobre o qual você construirá o casamento.

“Caiu a chuva, vieram as enchentes, e o vento soprou com força contra aquela casa. Porém, ela não caiu porque havia sido construída na rocha.” (Mt 7.25)

​ JAIME KEMP 

https://www.revistalarcristao.com.br

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s